Empreendedorismo

Startups: Conselho de Administração


O conselho de administração ou como muitos ainda chamam, board of directors, diferentemente do board of advisors é requisito legal para toda e qualquer S/A (Sociedade Anônima).

As empresas normalmente se transformam em S/A quando começam a ter muitos sócios. Quando recebe-se investimento é quase que uma obrigação se tornar S/A, existem muitas vantagens jurídicas que justificam essa necessidade.

Como uma empresa pode ter um número de acionistas muito grande e seria impossível escutar a opinião de cada um deles. Criou-se uma forma de representar os principais acionistas em uma ou mais cadeiras no conselho de administração.

Qual é a função do Conselho de Administração?

O papel do board é garantir que o CEO e os principais executivos estão desempenhando um bom trabalho. Quando um board começa a se envolver demais no dia-a-dia da empresa, é sinal de que as coisas não estão bem.

Toda as principais decisões devem ser levadas ao board para aprovação. É fundamental que exista um ambiente saudável para discutir os mais variados pontos de vista, e o presidente do conselho é quem deve garantir que todos sejam ouvidos mas uma decisão seja tomada.

Um board bem construído deve ter profissionais com muita experiência no mercado. Quanto mais feitos cada um dos membros tiver, melhor para sua startup, que contará com a expertise de cada um deles.

Um bom conselho de administração brilha os olhos do investidor. Afinal, se você conseguiu mobilizar tanta gente boa para participar de algo que você construiu, alguma coisa boa deve ter.

Normalmente as startups iniciantes tem um conselho de administração só para constar. Apesar de registrarem que existiu uma reunião do board e foram tomadas as seguintes decisões. Na realidade ela nunca aconteceu e só foi criado um documento para registrar as decisões, aprovadas pelos próprios executivos da empresa.

Isso é muito comum e eu recomendo que você fique assim até você ter um tamanho que justifique, mas assim que você começar a ter um volume de receita um pouco maior, sugiro fortemente que você crie um conselho de administração e faça pra valer. Mesmo que você seja o acionista controlador é fundamental criar a rotina de apresentar a outras pessoas brilhantes o que tem acontecido na empresa e as principais decisões para serem tomadas.

Mark Zuckerberg, CEO do Facebook, durante muito tempo foi um jovem inexperiente, mas o tempo foi passando e ele foi se transformando em um brilhante executivo. Grande parte da sua formação deve-se aos conselheiros. Você não gostaria que o mesmo acontecesse com você?

Empreendedorismo
Startups: Você está preparado?
Empreendedorismo
Startups: Sangue empreendedor
Empreendedorismo
Startups: Sócios co-fundadores
  • Venicios Ribeiro

    Quanto de faturamento é preciso que uma Startup tenha para que ela possua um Conselho Real?

    • Vinicius,

      O conselho administrativo não tem qualquer relação com a receita, ele é exigido somente quando a empresa é uma Sociedade Anonima (S.A.).

  • Fernando Chucre

    Oi Marcelo, tudo bem? Eu tenho uma startup que esta faturando perto de R$70k no ultimo trimestre, ainda somos uma Ltda mas já queremos aplicar um concelho de administração que realmente funcionce, você acha isso viavel?

    • Oi Fernando, tudo bem?

      A verdade é que não existe tamanho para se montar um conselho.

      Qualquer momento ajudará, apenas foque em trazer pessoas que realmente possam ajudar e não atrapalhar.

      E principalmente não gaste dinheiro com isso, pois você ainda não tem condições de bancar.

      Um abraço e boa sorte!

  • Alexandre

    Marcelo, num estágio inicial quanto o conselho de administração possui de stock option, existe uma escala média?