Finanças

Você sabe o que é BNDES? Descubra aqui!


É bastante provável que você já tenha ouvido falar sobre o BNDES em sua vida, especialmente se você é dono do seu próprio negócio. Apesar de ser um termo comum, muita gente não entende a real função desse banco ou não sabe como o seu negócio pode se beneficiar das soluções oferecidas.

Justamente por isso que estou aqui para ajudá-lo a entender melhor como funciona esse banco e o que ele pode fazer pelo seu negócio. Continue lendo esse post e acompanhe tudo sobre a instituição e sua atuação.

Entenda o que é BNDES

A primeira coisa que preciso explicar sobre o BNDES é, justamente, do que se trata esse banco. O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social é um órgão público federal vinculado ao Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior e que tem como objetivo principal fomentar a atividade econômica em diferentes áreas da economia.

A atuação do BNDES é procura gerar renda, empregos e melhorias sociais em diversos setores para o país, de modo que toda a sociedade se beneficie das atividades econômicas apoiadas pelo banco.

Por isso, o BNDES tem ações que vão desde as focadas em empresas voltadas para a infraestrutura até ações que apoiam o comércio e empreendedores individuais, por exemplo.

Saiba como funciona o BNDES

O BNDES funciona principalmente do ponto de vista do financiamento. Se você não sabe como funciona, eu explico: no financiamento oferecido pelo BNDES, é concedida uma determinada quantia financeira, paga em longo prazo, que deve ser utilizada para uma finalidade específica. Isso pode significar a compra de máquinas, melhoria da estrutura, expansão ou modernização do negócio, entrada no mercado exterior, lançamento de novos produtos e assim por diante.

É diferente de um empréstimo, em que o dinheiro pode ser utilizado com qualquer finalidade uma vez que seja concedido e também devido às condições. Como a intenção é favorecer o desenvolvimento, as condições oferecidas pelo BNDES costumam ser mais em conta do que as encontradas em bancos privados, por exemplo.

Além disso, o BNDES possui outras formas de ação. O banco pode adquirir debêntures da organização, por exemplo, que são títulos de dívidas de empregas privadas. Nesse caso, o BNDES se torna uma espécie de investidor, ao mesmo tempo em que ajuda o negócio a ter capital para cumprir com suas obrigações.

Em outros casos, ele oferece recursos não reembolsáveis, ou seja, que não precisam ser devolvidos. São recursos concedidos especialmente em campos como a cultura, ciência e tecnologia e inclusão social.

Durante uma crise econômica, o BNDES trabalha para oferecer soluções que ajudem na recuperação da economia, como incentivos diversos para que haja uma recuperação econômica.

Quais são as principais linhas de crédito?

É necessário também que você conheça quais são as linhas de crédito oferecidas pelo BNDES. Embora elas apareçam em grande quantidade, a seguir vou apresentar as principais e mais utilizadas em diferentes setores da economia. Assim, são elas:

BNDES Finame

O BNDES Finame é um tipo de financiamento voltado para a aquisição de máquinas e equipamentos que sejam previamente credenciados no BNDES.

Esse tipo de operação é realizada de maneira indireta, por meio de instituições financeiras credenciadas.

As modalidades de apoio dessa linha de crédito são destinadas tanto para a empresa que compra o produto, como também para aquela que produz e comercializa. Com incentivos nessas três etapas, cria-se um ciclo virtuoso para a economia.

Nesse sentido, inclusive, o BNDES se divide em três linhas de financiamento: Aquisição e Comercialização de Bens de Capital (BK Capital); Aquisição e Comercialização de Ônibus, Caminhões e Aeronaves Executivas (BK Aquisição Ônibus e Caminhões) e Produção de Bens de Capital (BK Capital).

BNDES Finame Agrícola

Já o BNDES Finame Agrícola tem características semelhantes à linha de crédito anterior, mas é voltada para o setor agropecuário.

Nesse caso, é permitida a aquisição de máquinas, equipamentos e bens tecnológicos em geral e para a automação, desde que credenciados no BNDES.

Além disso, é necessário que esses equipamentos agrícolas sejam produzidos no país, sejam novos e se destinem ao setor agropecuário.

Também é uma linha de crédito intermediada por instituições financeiras credenciadas e o financiamento tem limite variável de 70 a 80% do valor do bem.

Já os prazos variam de 90 meses para aquisição de equipamento e até um ano para a aquisição de soluções tecnológicas e de automação.

BNDES Finame Leasing

O BNDES Finame Leasing, por sua vez, é uma linha de financiamento de aquisição de máquinas, equipamentos e soluções de automação que sejam voltadas para o arrendamento de mercado.

As regras para o que pode ser financiado são as mesmas do Finame tradicional, mas o valor do limite de financiamento varia. Nesses casos, equipamentos mais básicos podem ter até 40% do valor financiado, enquanto os que envolvem tecnologia e que estejam listados têm até 70% do valor. Quanto aos demais, o limite de financiamento é de 50% do valor total.

Os prazos também diferem quanto ao tipo de produto, mas no caso dos ônibus e aeronaves, por exemplo, o prazo varia de 6 anos até 10 anos, dependendo das características de cada veículo.

BNDES Automático

O BNDES Automático, por sua vez, oferece financiamento por meio de instituições financeiras credenciadas em valores que sejam iguais ou inferiores a R$ 20 milhões. Esse valor, devo ressaltar, é também o limite de financiamento a cada 12 meses.

Nesse tipo de linha de crédito o financiamento é oferecido tanto para projetos de desenvolvimento e inovação, como também em investimentos que ajudem a ampliar, recuperar ou valorizar ativos fixos do negócio.

Quanto à área de atuação, empresas de diferentes setores da economia podem obter esse tipo de financiamento.

As linhas de financiamento são voltados para as micro, pequenas e médias empresas (MPMES) e também para as médias-grandes e grandes empresas. Nesse sentido, inclusive, há linhas de financiamento destinadas para setores prioritários, como geração de energia sustentável, estrutura de transporte e gestão de resíduos industriais e urbanos e para os demais setores.

BNDES Finem

Já o BNDES Finem funciona exatamente como o BNDES automático, só que com limite superior a R$ 20 milhões. Dentro de determinadas exceções, inclusive em relação à região física de investimento.

O apoio pode acontecer de maneira direta ou indireta, sendo que pode ficar a critério do banco a decisão da forma de apoio. Empreendimentos que se relacionem à comunicação, propaganda e jornalismo, entretanto, só podem ser apoiados de maneira indireta.

Essa linha de crédito também possui diversas linhas de financiamento dependendo do setor. No caso de energia, por exemplo, existem linhas para transmissão e distribuição de energia, enquanto para logística há financiamentos para o modal ferroviário e rodoviário, dentre outras possibilidades.

BNDES Project Finance

O BNDES Project Finance, por sua vez, é uma linha de crédito mais complexa e mais específica para certas atividades.

No geral, ele exige uma estrutura de operação de crédito que seja realizada por uma sociedade de ações. Para isso, algumas das exigências incluem que as receitas cedidas em benefício dos financiadores, que o fluxo de caixa justifique o projeto, que o cliente seja uma sociedade por ações e outras características.

Nesse tipo de operação existe também uma análise de risco feita pelo BNDES e que avalia questões, como o grau de alavancagem e risco operacional do projeto.

Também existem garantias pré-operacionais e pós-operacionais de modo que os recursos fornecidos gerem os resultados desejados, além de serem exigidas garantias reais.

Cartão BNDES

Já o cartão BNDES é uma das linhas de créditos mais populares e mais abrangentes oferecidas pela instituição.

Esse cartão oferece um crédito pré-aprovado que conta com as menores taxas de juros do mercado. Com esse cartão, é possível realizar a compra de equipamentos, maquinário e outros insumos que sejam necessários para o desenvolvimento e sucesso do negócio.

É uma linha de crédito especialmente voltada para as MPMES e o crédito tem limite máximo de R$ 1 milhão. Os produtos devem estar credenciados no Portal de Operações de BNDES e o cartão pode ser emitido por bancos públicos e privados.

Quanto às prestações, elas variam de 3 a 48 meses, mas os bancos emissores do cartão podem oferecer outras condições.

BNDES Microcrédito

O BNDES Microcrédito concede empréstimos de baixo valor para microempreendedores de diversas áreas e com diferentes níveis de formalização.

A principal justificativa para a existência dessa linha de crédito é o fato de que muitos microempreendedores não possuem acesso às ofertas de crédito tradicionais, seja porque ainda não possuem o perfil adequado ou porque as condições oferecidas não os atendem.

Como é feito de maneira indireta, condições como limite do financiamento e taxas de juros devem ser definidas pela instituição intermediária.

BNDES Exim

O BNDES Exim fornece financiamentos voltados para o incentivo da exportação de bens e serviços. Para isso, ele possui cinco possibilidades diferentes: BNDES Exim Pré-Embarque, Pré-Embarque Empresa Inovadora, Pré-Embarque empresa Âncora, Pós-Embarque ou Automático.

A escolha da linha de crédito adequada depende do momento em que a empresa necessitará de financiamento e também do tipo de negócio. No geral, o valor de financiamento varia entre 30 e 70% dos bens a serem exportados e o prazo pode chegar até 3 anos, no geral.

BNDES Soluções Tecnológicas

O BNDES Soluções Tecnológicas completa a lista com as principais linhas de crédito, mas é uma opção diferenciada das demais.

Por ser voltado para a comercialização de soluções tecnológicas no país, ele também é responsável por favorecer a comunicação entre quem vende e quem compra.

No geral, as soluções financiadas pelo BNDES são as oferecidas por empresas especializadas em tecnologia, universidades e outras instituições que sejam devidamente credenciadas.

A empresa que quiser adquirir uma dessas soluções deverá solicitar o financiamento que ocorrerá mediante determinadas condições como taxas e prazos de pagamento. Até maio de 2016, entretanto, era uma solução apenas em fase de captação de fornecedores.

Quem pode solicitar linha de crédito?

No geral, cada linha de crédito possui características únicas e que fazem com que uma empresa possa ou não realizar a sua solicitação. No caso do cartão BNDES, por exemplo, ele é uma linha de crédito voltada para micro, pequenas e médias empresas, que recebem a prioridade na concessão desse crédito.

O Finame Agrícola, por sua vez, é limitado para empresas que sejam atuantes nesse setor específico, enquanto o Finame é aberto a sociedades nacionais, estrangeiras e fundações, empresários individuais que possuam CNPJ ou empresas individuais de responsabilidade limitada, por exemplo. Além disso, a linha de crédito também aceita transportadores autônomos, assim como associações, condomínios e sindicatos.

Já no microcrédito, a oferta é limitada para empresas que tenham receita anual bruta igual ou inferior a R$ 360 mil. No BNDES Automático, por sua vez, podem solicitar sociedades, autarquias, empresas individuais, consórcios, condomínios e pessoas físicas caracterizadas como produtores rurais. Por outro lado, clubes e sindicatos ficam proibidos de ter acesso à linha de crédito.

Assim, tudo depende da linha desejada para que se possa avaliar quem poderá solicitá-la. As linhas mais conhecidas, entretanto, normalmente podem ser solicitadas não apenas por empresas de diferentes portes, mas também por pessoas físicas que possuam atuação específica no mercado, como é o caso de microempreendedores individuais.

Onde posso utilizar linha de crédito?

Cada linha de crédito possui uma indicação própria de uso. Isso significa que dependendo do tipo de crédito ao qual você teve acesso, você deverá utilizá-lo para fins específicos. No caso do Finame, por exemplo, é obrigatório adquirir itens como máquinas e equipamentos em geral.

Já no caso do Exim, os recursos são voltados para a exportação dos produtos e entrada no mercado exterior. Por sua vez, o cartão BNDES permite a aquisição de uma série de produtos licenciados pelo BNDES que vão desde equipamentos de estrutura até de melhoria e valorização dos ativos fixos.

Dentre todos, o microcrédito é o único que oferece a possibilidade de funcionar como um empréstimo. Assim, quem solicita esse tipo de linha de crédito tem mais liberdade para usá-lo como achar mais conveniente e adaptado para o seu negócio.

Cartão BNDES: tudo que você precisa saber

O Cartão BNDES é a linha de crédito mais indicada para micro, pequenas e médias empresas, então é conveniente que eu esclareça mais a respeito dessa linha tão popular. Basicamente, como dito anteriormente o Cartão BNDES é uma linha de crédito que oferece um cartão com crédito pré-aprovado de até R$ 1 milhão e que pode ser utilizado para adquirir diferentes itens necessários para o negócio.

Para ajudá-lo a entender mais sobre essa linha de crédito, conheça a seguir tudo o que você precisa saber sobre o assunto:

Como solicitar o Cartão BNDES?

A solicitação do Cartão BNDES é feita de maneira totalmente on-line, diretamente pelo site da instituição.

Depois que clicar em “Solicite seu Cartão BNDES”, você será redirecionado para a ficha de solicitação em que deverá informar o CNPJ, o CNAE Fiscal, o setor e o ramo de atividade. Sua empresa deve estar totalmente regularizada, com INSS, FGTS e tributos federais em dia.

Além disso, você deverá escolher a bandeira do seu cartão. Atualmente, as opções incluem Banco do Brasil, Banco do Nordeste, Banco Santander, Banestes, Banrisul, Bradesco, BRDE, Caixa, Itaucard, SICOOB e Sicredi.

Essa escolha deve ser feita com cuidado, já que é a instituição financeira é a responsável por realizar a análise e aprovação de crédito.

Também será necessário abrir uma conta-corrente, em nome da empresa, no banco escolhido para a emissão do cartão. Isso porque, todas as compras e pagamentos das parcelas serão feitas por intermédio dessa compra, então o relacionamento é estabelecido dessa maneira.

Uma vez que você avance no processo de solicitação, poderá fazer sua proposta com o valor desejado e também deverá fornecer os outros documentos. Depois, é só aguardar a análise de crédito do banco escolhido.

Qual é o limite do Cartão BNDES? Terei acesso ao crédito de R$ 1 milhão?

Como o Cartão BNDES financia até R$ 1 milhão, é comum que muitos empresários achem que terão acesso a esse valor integral uma vez que solicitem o cartão. A verdade, entretanto, é que esse é o limite máximo estabelecido pelo BNDES, mas o limite individual do seu cartão será definido pelo banco escolhido.

Mediante uma análise de crédito e da situação da sua empresa, o banco definirá quanto de crédito você poderá utilizar. Esse valor, inclusive, até pode ser de R$ 1 milhão, desde que o banco comprove que a sua empresa possui a capacidade de pagamento para utilizar um crédito desse tipo.

Posso solicitar mais de um cartão BNDES?

Embora você só possa ter um Cartão BNDES por banco, é possível solicitar mais de um cartão em instituições diferentes. Como assim? Eu explico: imagine que você solicitou seu primeiro cartão BNDES no Banco Santander. Embora venha sendo muito útil, o limite ainda não atende todas as solicitações do seu negócio.

Nesse caso, então, você poderá fazer uma solicitação no Banco do Brasil ou na Caixa Econômica Federal, por exemplo. Se quiser você poderá solicitar um Cartão BNDES para cada instituição financeira, mas isso não significa que todos serão aprovados.

O que posso comprar com o Cartão BNDES?

Uma vez que você esteja com o cartão BNDES em mãos, você poderá adquirir produtos e serviços que se relacionem às atividades necessárias para o seu empreendimento.

A relação completa de produtos e serviços se encontra no site do cartão, mas, em geral, você pode adquirir bens novos como veículos, maquinário, embalagens, matérias-primas para fabricação de móveis, peças necessárias para a modernização de bens ativos e materiais para a construção civil que estejam autorizados.

Quanto aos serviços, você pode contratar serviços de avaliação de conformidade, serviços de pesquisa e desenvolvimento, serviços de design de embalagem, cursos voltados para a hospitalidade e atendimento, especialmente os de idiomas e outras opções.

É preciso tomar cuidado, entretanto, com o que não pode ser financiado pelo cartão BNDES. Usar os recursos como capital de giro, por exemplo, não é permitido, assim como não podem ser adquiridos bens como armas, produtos importados, insumos que não sejam autorizados pelo banco e compra de imóveis e terrenos.

Além disso, o cartão BNDES não pode ser utilizado para adquirir veículos se a empresa atua diretamente na venda desses itens.

Quais as vantagens do Cartão BNDES?

A primeira e principal vantagem do Cartão BNDES é que ele oferece crédito com as taxas mais baixas do mercado. Isso significa que você é capaz de adquirir produtos necessários para o desenvolvimento do seu negócio e paga taxas mais baixas do que em quaisquer outras instituições disponíveis no mercado.

Como resultado, sua dívida é menor assim como o impacto financeiro no orçamento do seu negócio. Como você pode manter seu negócio sempre atualizado e com a estrutura adequada por um preço menor, o resultado é que você ganha uma vantagem competitiva em relação aos negócios do seu ramo de atuação.

Além disso, utilizar o Cartão BNDES é uma forma de aumentar continuamente a qualidade dos produtos ou serviços oferecidos a seus clientes, gerando cada vez mais valor agregado. Não menos importante, é uma forma mais fácil de acesso a crédito, sendo mais simples do que a maioria dos financiamentos tradicionais.

As taxas de juros pré-fixadas e o pagamento em até 48 vezes são outras vantagens de utilizar esse tipo de linha de crédito para favorecer o seu negócio.

Conclusão

O BNDES é um órgão público muito importante para o estímulo da economia feito por meio do incentivo a uma série de empreendimentos em tamanhos e áreas diferentes. Com o oferecimento de uma grande variedade de linhas de créditos, o BNDES é responsável por estimular a economia brasileira e por ajudar os negócios a se fortalecerem no mercado.

Dentre as linhas de créditos, o Cartão BNDES é o mais indicado para micro, pequenas e médias empresas que precisem de uma ajuda extra para ganhar mais força no mercado. Se esse é o seu caso, recomendo fortemente que você considere a possibilidade de utilizar essa linha de crédito para financiar o sucesso do seu negócio de maneira prolongada.

Sobrou alguma dúvida sobre o que é o BNDES ou como ele atua? Então deixe um comentário, com suas impressões e questionamentos!

Categoria Ferramentas
Organização pessoal: Como se tornar extremamente eficiente
Categoria Ferramentas
Como ser mais produtivo: remova aquilo que te atrapalha
Negócios
Quanto tempo você vai demorar para entender?
  • Klebson Queiroz

    Gostei muito do artigo, me tirou muitas dúvidas. Queria te fazer uma pergunta: Para quem trabalha com Marketing Digital, qual é o melhor crédito?